Seguidores

domingo, 20 de novembro de 2011

Bolo de chocolate a minha maneira.



 Ontem minha Filhota emprestada, fez anos.
Se lembrou de pedir um bolinho de casa, não tinha uma ideia definida, resolvi  fazer-lhe a vontade,  me lembrei, de começar um bolo.
Que virou bolo de chocolate.
 levou 3 ovos, duas chávenas de açúcar,  que bati até dobrar o volume.
 Juntei uma de oléo de girassol, mas pode ser outro qualquer de culinária, bati novamente muito bem batido sempre.
 Coloquei 2 chávenas de farinha de trigo e 1 de amido de milho, foi juntando as farinhas e batendo sempre , juntei um copo de leite à temperatura ambiente, sempre batendo.
Mais 2 colheres de chá de fermento, porque a farinha era sem fermento. desliguei a batedeira .Adicionei  com cuidado 1 1/5 chávena de chocolate em pó.
Levei a cozer , a forno moderado.  Não o deixando ficar , muito cozido.
 O palito sai seco . Mas não demais.
Ficou um pouco húmido, fez as delicias dos meus filhos e noras.

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Andando pela net, vi olhei, e experimentei, gostei e achei que poderia ter interesse neste tempo de crise.




Lasanha bolonhesa com béchamel

Doses:
4
Tempo:
90 min
Preparação:
Lume
Dificuldade:
Difícil
 
0 votos
Receita publicada por
Admin Petiscos
*****
Seguir este chef
Ver mais receitas
deste chef

Foto publicada por: Admin Petiscos
ingredientes:
400 g carne picada
45 g margarina
100 g cogumelos frescos
1 cebola(s)
1 dente(s) de alho
1 cenoura(s)
100 g bacon
70 g margarina
1 c. sopa salsa picada
1 c. sopa polpa de tomate
1 dl vinho branco
2 dl caldo de cubo de carne
1 dl natas
q.b. sal
q.b. Pimenta
12 folha(s) de lasanha
45 g farinha
7 dl leite
queijo ralado
50 g margarina em "nozes"
preparação:
Molho de carne:
1. Pique finamente os cogumelos frescos, a cebola, o dente de alho, a cenoura e o Bacon.
2. Aloure tudo em margarina durante cerca de 10 minutos. Junte a carne picada e deixe alourar.
3. Adicione a salsa picada, a polpa de tomate, o vinho branco e o caldo de carne. Deixe cozer em lume brando cerca de 15 minutos.
4. Junte as natas e mexa. Tempere com sal e pimenta e deixe cozer suavemente mais 10 minutos.
5. Enquanto isso, coza as folhas de lasanha, 4 de cada vez, em abundante água temperada com um pouco de sal.
6. Depois de cozidas, escorra-as em cima de um pano de cozinha húmido.
Molho béchamel:
1. Derreta a margarina, polvilhe com a farinha, mexa e regue com o leite.
2. Deixe cozer suavemente e retire do lume 5 minutos após ferver. Tempere com sal e pimenta.
Lasanha:
1. Coloque num tabuleiro untado com margarina, 2 ou 3 folhas de lasanha, lado a lado.
2. Regue, primeiro com o molho béchamel e, depois com o molho de carne.
3. Polvilhe com 1 colher de sopa de queijo ralado.
4. Repita as operações até esgotar o molho de carne e termine com uma camada de lasanha regada com molho béchamel.
5. Polvilhe com o queijo ralado e a margarina em nózinhas.
6. Leve a gratinar em forno moderadamente quente (200ºC) durante cerca de 45 minutos.





 Desde já os parabéns ao autor fica realmente muito boa. Obrigado pela dica.
Sabem como gosto de dar sempre um cunho meu ao que faço, susbitui a carne por soja granulada um terço de carne dois de soja



sábado, 5 de novembro de 2011


Hoje fiz para o almoço:Esparguete com camarão e legumes salteados
Aqui vai a receita, caso queiras fazer
400 g de legumes para saltear (comprei ultra congelado)
300 g de esparguete
200 g de camarão médio (comprei miolo ultra congelado) 
4 Colheres (sopa) de azeite
 3 Dentes de alho
 Sal qb
Pimenta preta moída qb

1) Descongela o camarão enquanto Coze o esparguete em água a ferver temperada com sal, durante 9 minutos
2) Descasca, pica e deite os alhos numa frigideira, junta o azeite e leva ao lume. Deixa aquecer. Adiciona o camarão previamente descascado e deixa cozinhar 2 minutos. Acrescenta os legumes para saltear, mistura e deixa cozinhar durante 5 minutos, mexendo de vez em quando. Tempera com sal e pimenta.
3) Escorre o esparguete, junta ao preparado da frigideira e mistura. Serve de emediato decorado com um raminho de salsa.
 Não. Não o merito não é meu. É de alguém a quem muito quero e me fez a surpresa de enviar esta receita. 
Dino o meu obrigado e um beijo

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Pois é ai vai uma Praliné de castanhas
Encontrei na net, exprementei e fiquei fã.Será que vão gostar?
Espero que sim.

Ingredientes:
500g de castanhas
50g de amêndoa sem pele
50g de açúcar
100g de manteiga 
150g de açúcar
4 gemas
½ cálice de vinho do Porto
2 dl de natas
50 g de açúcar
½ l de vinho tinto
200 g de açúcar
Preparação:
Coza as castanhas em água a ferver. Entretanto caramelize 50g de açúcar com uma colher de sopa de água. Adicione as amêndoas, envolva bem e deite o preparado em cima de uma folha de papel vegetal previamente untada com manteiga. Deixe arrefecer. Triture grosseiramente as amêndoas caramelizadas e reserve-as. Reduza a puré as castanhas e junte as gemas batidas com o açúcar. Leve ao lume a engrossar. Retire do lume e adicione a manteiga em pedacinhos, o cálice de vinho do Porto e parte do praliné picado, reserve um pouco para decorar. Bata as natas com 500g de açúcar e envolva com o creme de castanha. Enforme e leve ao congelador entretanto, ferva o vinho com o açúcar até começar a engrossar.
Desenforme o doce, corte em fatias e sirva com um pouco de praliné e molho de vinho tinto.

sexta-feira, 22 de julho de 2011

fiz e adorei, será tu gostas?


Tipo de Culinária: EUASundae
Categoria: Doces
Subcategorias: Sorvetes
Rendimento: 1 porção
Tradicional sorvete em estilo americano, dizem que o Sundae foi criado no final do século XIX como uma alternativa à proibição dos moralistas do Estados Unidos de tomar soda com água carbonatada, aos domingos. Independente da história, é uma combinação encantadora!

Ingredientes

2 bola(s) de sorvete de baunilha
quanto baste de calda de chocolate
quanto baste de marshmallow
quanto baste de chantilly
quanto baste de castanha-de-caju
Modo de preparo

Coloque no fundo de uma taça própria para Sundae um pouco de calda de chocolate, passe a calda também nas paredes da taça. Coloque o sorvete. Cubra com mais um pouco de calda, coloque o marshmallow, o chantillyver vídeo e depois salpique as castanhas.
 Sabem estraguei o carregador da minha , maquina fotográfica, tenho estado a espera que chegue um, mas tem estado demorado, razão pela qual tem sido estas as postagens espero em breve poder fazer as minhas próprias receitas.
Não se zanguem comigo tá?


terça-feira, 5 de julho de 2011

Adorei estas dicas,

E como achei muito útil, não resisti em vos mostrar, eu estou a tomar com óptimos resultados, acreditem:

DICAS DE SAÚDE
RESSALVA
Não sou médica e, mesmo se fosse, não poderia dar uma resposta sem fazer uma consulta pessoal.
Sugiro ainda que não aceitem consultas virtuais.


BENEFÍCIOS DO MEL COM CANELA
É sabido que aquela mistura de mel e canela cura a maior parte de doenças. O mel é produzido em quase todos os países do mundo. A ciência afirma que embora o mel seja doce, se ingerido na dosagem certa, a título medicinal, ele não prejudica pacientes diabéticos. A revista canadense "Notícias Mundiais Semanais" publica uma lista de doenças que podem ser curadas com Mel e Canela, segundo cientistas ocidentais.
USE REGULARMENTE NO CAFÉ DA MANHÃ

1) DOENÇAS DE CORAÇÃO:
Faça uma pasta de mel e pó de canela e aplique-a no pão, em vez de geleia, usando-a regularmente no café da manhã. Essa mistura reduz o colesterol nas artérias e evita o ataque cardíaco ou sua repetição.
O uso regular dessa pasta também alivia a perda da respiração e fortalece as batidas do coração. Na América e no Canadá, várias casas de assistência a idosos utilizam o método para protecção aos pacientes, notando-se que a canela revitaliza artérias e veias.
2) ARTRITE:
Os pacientes de artrite podem tomar diariamente, de manhã e à noite, uma xícara de água quente com duas colheres de mel e uma colher de chá de pó de canela. Se tomado regularmente, até a artrite cronica pode ser curada.
Em uma pesquisa recente, conduzida na Universidade de Copenhague, quando os doutores trataram os seus pacientes com uma mistura de uma de colher de sopa de mel e meia colher de chá de pó de canela, antes do café da manhã durante uma semana, das 200 pessoas seleccionadas praticamente 73 obtiveram alívio total da dor, e em um mês a maior parte dos pacientes, que não podia andar ou se movimentar devido à artrite, voltou a se movimentar sem sentir dor.
4) COLESTEROL:
Duas colheres de sopa de mel e três colheres de chá de canela, misturadas a meio copo de chá, são capazes de reduzir em 10% o nível de colesterol no sangue dentro de 2 horas. Como mencionado para pacientes artríticos, se tomado 3 vezes ao dia, ajuda a curar o colesterol cronico. Além disso, mel puro tomado com comida diariamente alivia reclamações de colesterol.
4) INFECÇÕES DE BEXIGA:
Tome duas colheres de sopa de pó de canela e uma colher de chá de mel dissolvidas em um copo de água morna.
A mistura destrui os germes na bexiga.

4) SISTEMA IMUNE:
O uso de mel e pó de canela diariamente fortalece a imunização de nosso sistema protegendo o corpo de bactérias e ataques virais.
Os cientistas provaram que o mel tem várias vitaminas e grande concentração de ferro.
O uso constante do mel fortalece os corpúsculos de sangue brancos para lutar contra bactérias e doenças virais.

MORDIDAS DE INSECTO:
Misture uma parte de mel a duas partes de água morna e acrescente uma colher de chá de pó de canela, fazendo uma pasta. Massa geie o local picado, lentamente, e a dor cederá dentro de um ou dois minutos.
PERDA DE CABELO:
Os que têm problemas de perda de cabelo, ou calvície, podem aplicar uma pasta feita com azeite quente, uma colher de sopa de mel e uma colher de chá de pó de canela antes do banho. Aguardar de 5 a 10 minutos e lavar o cabelo normalmente.
DOR DE DENTES:
Faça uma pasta de uma colher de chá de pó de canela e cinco colheres de chá de mel e aplique no dente dolorido. A aplicação pode ser feita 3 vezes por dia.
CALAFRIOS: (Resfriado)
Os que sofrem de calafrios, comuns ou severos, devem tomar diariamente uma colher de sopa de mel morno com ¼ de colher de pó de canela durante 3 dias.
Este processo cura tosse cronica, o frio e compensará os seios.

ESTÔMAGO DE POMBO:
O Mel tomado com o pó de canela alivia dores de úlceras de estômago. Tomar duas vezes ao dia, após as principais refeições.
GASES:
Segundo estudos feitos na Índia e no Japão, o estômago ficará aliviado de gases, se o mel for tomado com o pó de canela, duas vezes ao dia, após as principais refeições.
INDIGESTÃO:
O pó de canela, salpicado em duas colheres de sopa de mel e ingerido antes da comida, alivia a acidez e ajuda na digestão de refeições pesadas..
INFLUENZA:
Um cientista na Espanha comprovou que o mel contém o ingrediente natural que mata os germes da"influenza" e protege o paciente contra seu ataque.
LONGEVIDADE:
Chá feito com mel e pó de canela, quando tomado regularmente, detém as devastações da idade. Ferva 4 colheres do mel, 1 colher de pó de canela e 3 xícaras de água, para fazer um chá. Beba ¼ de xícara 3 a 4 vezes por dia. Serve para manter a pele fresca e suave além de permitir maior longevidade, fazendo com que você execute pequenas tarefas com muito mais facilidade.
BORBULHAS OU PÊLOS ENCRAVADOS:
Fazer uma pasta com três colheres de sopa de mel e uma colher de chá de canela em pó. Aplique-a nos pêlos encravados, antes de dormir, e lave-as na manhã seguinte com água morna. Se feito diariamente durante duas semanas, ela retira as borbulhas da raiz.
INFECÇÕES DE PELE:
Aplicação de mel e pó de canela, em partes iguais sobre as partes afectadas, curam eczema, tinha e todos os tipos de infecções de pele. Usar após o banho, sobre a região bem limpa.
CÂNCER/CANCRO:
Pesquisa recente no Japão e Austrália revelou que tanto o câncer do estômago como o de ossos foram curados com sucesso. Os pacientes que sofrem dessas espécies de câncer devem tomar diariamente aquela colher de sopa de mel com uma colher de chá de pó de canela, durante um mês, 3 vezes por dia.
FADIGA:
Os estudos recentes mostraram que o conteúdo de açúcar do mel é mais útil que nocivo à força do corpo. As pessoas idosas que recebem o mel e o poder da canela em partes iguais são mais vigilantes e flexíveis. Doutor Milton, o responsável pela pesquisa, afirma que aquele copo de água tomado com meia colher de sopa de mel salpicada com pó de canela, diariamente ao levantar e à tarde, aproximadamente às 15h, quando a vitalidade do corpo começa a diminuir, revigora a vitalidade do corpo dentro de uma semana.
MAU HÁLITO:
A primeira coisa a fazer pela manhã é um gargarejo com uma colher de chá de mel e pó de canela.
Modo de fazer: misture o pó de canela em água quente, e depois coloque o mel.
Assim a respiração se mantém fresca por todo o dia.
PERDA DE AUDIÇÃO:
Fazer uso diário de mel e pó de canela, tomado em partes iguais, melhora a audição.
IMPORTANTE:
Sem efeitos colaterais conhecidos, você só não pode usar o mel e a canela se realmente for alérgico aos produtos. Porém, alerto as gestantes que antes de tomar qualquer chá ou medicamento deve consultar o seu médico. 
Antes de usar qualquer tratamento, procure conversar com o seu médico.
O Site velhosmigos ressalta que as Dicas de Saúde, enviadas por nossos colaboradores, não equivalem a uma receita médica; são apenas "dicas".
Os exames preventivos são sempre indispensáveis! Para mais informações consulte o seu médico.
Lou Micaldas
Fonte: www.parqueipe.com.br
Autor: Wilson Dias
Enviado por Annaluiza Paiva

domingo, 8 de maio de 2011

as restantes

Trago as restantes porque, gostei imenso, e ao irem visitar a pagina encontraram ,coisa diferentes que vos podem interessar, já fiz varias e de todas gostei, espero que vos seja útil.
eu por mim adorei, e tem de tudo um pouco. Bj
grãos estufados com legumes

Ingredientes (4 doses)

400 g de grãos cozidos (1 lata pequena)
100 g de feijão-verde
100 g de abóbora
2 tomates
2 cenouras
2 cebolas
2 dentes de alho
1 pimento vermelho
2 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de salsa picada
1 colher (chá) de caril
1 colher (café) de sal
Pimenta q. b.

Faça um refogado com o azeite, a cebola e o alho picados e junte-lhe o tomate cortado aos gomos. Quando o tomate começar a ficar mole, acrescente o feijão-verde aberto ao meio e cortado em pequenos troços, o pimento cortado às tiras e as cenouras às rodelas grossas. Tape o tacho e deixe cozinhar por mais 3 minutos.
Adicione o grão e a abóbora cortada aos cubos ao estufado e polvilhe com o caril. Se for necessário acrescente um pouco de água para fazer caldo. Deixe cozer cerca de 15 minutos em lume brando.
Tempere de sal e pimenta, polvilhe com a salsa picada e sirva acompanhado por arroz branco.


Lulas cremosas no forno

Ingredientes (4 doses)

600 g de lulas (limpas)
2 cebolas
2 dentes de alho
2,5 dl de molho béchamel
1 dl de vinho branco
2 colheres (sopa) de polpa de tomate
2 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de pão ralado
1 ramo de salsa
1 colher (café) de sal
Pimenta q. b.

Arranje as lulas, corte-as às rodelas finas e tempere-as com sal e pimenta. Reserve durante 1 hora no frigorífico.
Num tacho fundo, leve o azeite ao lume juntamente com as cebolas cortadas em rodelas muito finas e os dentes de alho esmagados. Quando estes começarem a ficar louros junte-lhes as lulas, bem escorridas, a polpa de tomate, o ramo de salsa inteiro e o vinho branco. Envolva os ingredientes e tape o tacho para que as lulas suem.
Quando as lulas estiverem tenras, adicione-lhes metade do molho béchamel. Volte a envolver, rectifique os temperos e retire do lume.
Coloque as lulas num tabuleiro de forno previamente untado com azeite, por cima regue com o restante molho béchamel e polvilhe com pão ralado. Leve a forno pré-aquecido para gratinar.


Macarrão com atum

Ingredientes (4 doses)

2 cebolas
3 dentes de alho
2 colheres (sopa) de azeite
1 chávena (café) de polpa de tomate
1 folha de louro
2 latas de atum (pequenas)
1 colher (sopa) de orégãos secos picados
1 colher (sopa) de manjericão fresco picado
Pimenta q. b.
300 g de macarrão
1 colher (sopa) de queijo parmesão ralado

Aloure as cebolas e os dentes de alho picados no azeite. Adicione a polpa de tomate e o louro e deixe estufar por uns minutos.
Junte o atum, bem escorrido e desfeito, os orégãos e o manjericão. Tempere com pimenta e apure.
Coza o macarrão conforme as instruções da embalagem. Depois, escorra-o e coloque-o numa taça aquecida.
Disponha o atum sobre a massa e polvilhe com o queijo parmesão ralado.


Tortilha de alho-francês

Ingredientes (4 doses)

500 g de batatas
2 cebolas
1 alho-francês
2 dl de leite
4 ovos
2 colheres (sopa) de azeite
1 colher (café) de sal
Pimenta q. b.

Coza as batatas com casca em água e sal durante 25 minutos; depois de cozidas, retire-lhes a casca e corte-as em rodelas. Descasque a cebola e corte-a às rodelas grossas. Lave o alho-francês e corte-o em rodelas. Aqueça o forno do fogão a 180º C.
Salteie no azeite a cebola e, depois de loura, junte-lhe o alho-francês e as batatas. Entretanto, misture o leite com os ovos, tempere de sal e pimenta e regue os legumes com o preparado. Reduza o lume e deixe cozer.
Leve a tortilha ao forno aquecido durante cerca de 10 minutos e sirva quente ou fria.

Feijoada de cação

Ingredientes (4 doses)

500 g de cação
1 lata grande de feijão branco
1 cenoura
½ pimento verde
1 cebola
2 dentes de alho
1 lata pequena de tomate pelado
2 colheres (sopa) de azeite
1 folha de louro
1 ramo de salsa picada
1 colher (chá) de sal
Pimenta q. b.

Descasque a cebola, os alhos e a cenoura, pique a cebola e os alhos e coloque tudo num tacho. Junte a cenoura cortada em rodelas e o pimento em cubos sem pevides nem membranas. Adicione também o louro e o azeite, leve ao lume e deixe cozinhar até a cebola ficar transparente.

Junte o tomate picado com o molho e deixe cozinhar durante 10 minutos. Adicione depois o cação, mexa e deixe cozinhar mais 5 minutos.
Tempere com sal e pimenta, junte o feijão com o molho e mexa delicadamente. Deixe cozinhar durante mais 15 minutos. Retire e sirva polvilhado com a salsa picada.

Açorda de solha com coentros

Ingredientes (4 doses)

500 g de solha limpa
1 colher (café) de sal
2 colheres (sopa) de azeite
1 cebola
2 tomates maduros
3 dentes de alho
400 g de pão saloio
1 ovo
1 molho de coentros picados
Piripíri q. b.

Coza a solha em água com sal, retire-a depois de bem escorrida e limpe-a de pele e espinhas. Reserve o caldo da sua cozedura.
Leve o azeite e a cebola picada ao lume e refogue levemente. Adicione os tomates cortados em pedaços pequenos e regue com um pouco do caldo que reservou. Deixe ferver por 5 minutos.
Junte os dentes de alho picados e o pão cortado em pedaços pequenos. Cozinhe em lume brando, mexendo regularmente até o pão se desfazer e ganhar a consistência de açorda (se for necessário, junte um pouco mais do caldo do peixe).
Adicione a solha lascada, o ovo batido e os coentros picados, tempere com piripiri e sirva de imediato.


Perna de peru no forno com citrinos

Ingredientes (4 doses)

1 perna de peru pequena
2 laranjas
2 limões
Salsa q. b.
1 colher (chá) de pimentão doce
2 colheres (sopa) de azeite
3 dentes de alho
1 colher (chá) de sal
Pimenta q. b.

Arranje a perna de peru. Prepare uma salmoura com água, sal e as laranjas e os limões cortados em gomos pequenos. Deixe repousar durante umas horas no frigorífico.
Aqueça o forno a 180º C. Retire a perna de peru da marinada e coloque-a num tabuleiro de forno, juntamente com 2 dl da marinada. Descasque os dentes de alho e pique-os.
Tempere o peru com o pimentão-doce e os dentes de alho. Regue com o azeite e leve ao forno durante aproximadamente 40 minutos até que a perna fique assada e douradinha.
Vire a perna de peru de vez em quando e regue-a com o seu próprio molho. Se necessitar, acrescente um pouco de água. Rectifique os temperos, se necessário, retire do forno e sirva polvilhada com salsa picada.


Codornizes de caril

Ingredientes (4 doses)

4 codornizes
2 dentes de alho
1 cebola
2 dl de leite de coco
1 tomate maduro
1 dl de vinho branco
2 colheres (sopa) de azeite
1 colher (chá) de colorau
1 colher (chá) de caril em pó
1 colher (café) de sal
1 folha de louro
Malaguetas q. b.
Pimenta q. b.

Tempere as codornizes com uma pasta feita de sal, uma colher (sopa) de azeite, pimenta moída, um dente de alho esmagado, colorau e o vinho. Deixe-a repousar durante umas horas.
Aloure no restante azeite a cebola e o dente de alho picados, o tomate desfeito e a folha de louro. Adicione então as codornizes e deixe refogar em lume brando. Acrescente um pouco de água, malaguetas a gosto e deixe estufar.
Quando as codornizes estiverem quase cozidas, acrescente o leite de coco e o caril e deixe apurar.


Red fish com molho de tomate

Ingredientes (4 doses)

4 postas de red fish
200 g de batatas pequenas
4 tomates maduros
2 cebolas
3 dentes de alho
2 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sobremesa) de salsa picada
1 colher (café) de sal
Pimenta e açafrão-da-Índia em pó q. b.

Aqueça o forno a 200º C. Coza as batatas com casca.
Salteie no azeite a cebola e o alho picados e quando estiverem macios adicione o tomate pelado e desfeito. Deixe estufar, tempere de sal e pimenta e reduza a puré com a varinha mágica.
Num tabuleiro de forno disponha as postas de peixe arranjadas e tempere-as com sal e açafrão.
Regue o peixe com o molho de tomate, disponha as batatas cozidas à volta e leve ao forno até ficar bem assado.


Rolinhos de couve com carne picada

Ingredientes (4 doses)

400 g de carne picada
4 folhas grandes de couve lombarda
2 dl de molho béchamel
1 cebola
2 dentes de alho
1 dl de vinho branco
2 colheres (sopa) de polpa de tomate
2 colheres (sopa) de azeite
1 colher (chá) de massa de pimentão
1 colher (café) de sal
Pimenta e noz-moscada ralada q. b.

Lave as folhas de couve e coza-as ligeiramente em água temperada de sal. Retire-as da água, deixe-as arrefecer e reserve.
Salteie no azeite a cebola e os dentes de alho picados. Junte a carne picada, a massa de pimentão e a polpa de tomate. Envolva e regue com o vinho, tempere com sal, noz-moscada e pimenta e deixe cozinhar cerca de 20 minutos.
Retire do lume e deixe arrefecer. Recheie as folhas de couve com o preparado de carne e enrole-as. Coloque os rolinhos num pirex, untado com azeite e regue-os com o molho béchamel. Leve a forno quente a gratinar e sirva acompanhado com arroz.


Comente

sábado, 7 de maio de 2011


José Caria/PÚBLICO (arq.)
 
Projecto da Plataforma Contra a Obesidade
14 receitas económicas para responder à crise
22.04.2009 - 01h23
É apenas uma das medidas do projecto "Resposta de Saúde Pública à Crise Global Financeira, Económica e Social", anunciado pela Direcção-Geral de Saúde na semana passada. A ementa de 14 pratos foi elaborada pela Plataforma Contra a Obesidade, em colaboração com a editora Obras Em Curso
Frango de fricassé

Ingredientes (4 doses)

1 frango com cerca de 1 kg
1 colher (café) de sal
Pimenta q. b.
1 dl de vinho branco
2 cebolas grandes
1 dente de alho
2 colheres (sopa) de azeite
2 gemas de ovo
1 limão
1 colher (sopa) de salsa picada

Limpe o frango de pele e gorduras, lave-o e corte-o em pedaços pequenos. Tempere com sal, pimenta e vinho branco e reserve durante cerca de 30 minutos.
Pique as cebolas e o dente de alho e aloure-os no azeite. Quando a cebola começar a ficar transparente, junte-lhe os pedaços de frango e deixe saltear, adicionando pequenas porções de água quente, até que a carne fique macia e com algum molho.
Bata as gemas com o sumo do limão e misture-lhes a salsa picada. Retire do lume e deixe arrefecer um pouco.
Adicione a gemada ao frango, leve novamente ao lume e deixe cozinhar, sem parar de mexer, até retomar a fervura. Rectifique os temperos e sirva quente.

Tomates recheados com fiambre de frango

Ingredientes (4 doses)

4 tomates grandes (maduros)
2 fatias de pão de milho (sem côdea)
100 g de fiambre de frango em cubinhos
2 dentes de alho
2 ovos
1 pimento
3 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de coentros picados
1 colher (café) de sal
Pimenta q. b.

Lave os tomates, corte-lhes o topo e escave-lhes o interior com a ajuda de uma faca e de uma colher de sobremesa. Depois, coloque-os a escorrer sobre uma rede voltados para baixo.
Pique os pimentos, o interior do tomate, os alhos e o pão. Amasse estes ingredientes juntamente com o fiambre, os ovos batidos, o azeite e os coentros. Tempere de sal e pimenta a gosto.
Encha os tomates com este preparado, disponha-os numa assadeira previamente untada com azeite e leve-os a forno quente durante cerca de 25 minutos.


Fusilli com pescada e cenoura

Ingredientes (4 doses)

300 g de pescada
2 chávenas (chá) de massa fusilli
½ lata de tomate de conserva em pedaços
2 cenouras
1 cebola
2 dentes de alho
2 colheres (sopa) de azeite
2 colheres (sopa) de salsa picada
1 colher (café) de sal
Pimenta q. b.

Coza a pescada com um pouco de sal, retire-a do caldo e reserve-a.
Coe o caldo e nele coza as cenouras cortadas aos cubinhos. Quando as cenouras começarem a ficar tenras, adicione a massa e deixe cozer durante o tempo recomendado na embalagem.
Leve o azeite ao lume, juntamente com a cebola e o alho picado, e deixe-os alourar. Adicione o tomate e a salsa e tape o tacho durante 2 minutos. Tempere de sal e pimenta, mexa cuidadosamente, junte a pescada cozida e desfeita e deixe acabar de cozinhar.
Coloque a massa com as cenouras num prato de servir e por cima disponha o molho de tomate com a pescada.

Tortilha de pimentos

Ingredientes (4 doses)

6 ovos
2 pimentos
2 batatas
2 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de salsa picada
1 colher (sopa) de cebolinho picado
1 colher (café) de sal
Pimenta q. b.

Bata os ovos inteiros com uma vara de arames e tempere-os com sal, salsa, cebolinho e pimenta moída.
Coza as batatas com casca, descasque-as e corte-as às rodelas.
Numa frigideira larga, com fundo anti-aderente, leve o azeite ao lume juntamente com os pimentos cortados em tiras finas até começarem a ficar moles. Junte as rodelas de batata aos pimentos e verta os ovos batidos para a frigideira. Tape a frigideira com uma tampa e deixe cozer a tortilha em lume moderado.
Quando sentir que a tortilha está cozida por baixo, vire-a e volte a tapar a frigideira.
Sirva a tortilha quente ou fria. 



Olá! como sei que muito boa gente ( tal como eu ) quer coisas leves fácil e baratas, e porque descobri este , cantinho com coisas deliciosas, não resisti em vos , trazer pois todos podem ver com tem coisas saborosas , e sobre tudo .boas para não nos fazer ficar balões.

quinta-feira, 21 de abril de 2011

massada de atum marinheira

Massada de Atum à Marinheira

Ingredientes para 4 a 6 pessoas

óleo Vaqueiro
250 g de massa (fusili, conchas, laços, macarronete...)
louro
1 cubo de caldo de marisco
cebola picada
60 g de Vaqueiro com Azeite
300 g de miolo de camarão
2 latas pequenas de atum
1 frasco de molho de tomate
sal
pimenta

Preparação

Ponha ao lume um tacho com água temperada com sal, um fio de óleo Vaqueiro e, se gostar, 1folha de louro e o  cubo de caldo de marisco.

Logo que ferver introduza a massa e coza até estar al-dente (entre 10 a 15 minutos).

Enquanto isso deite um punhado de cebola picada num tacho, junte-lhe um a Vaqueiro com Azeite e leve a refogar. Adicione o miolo de camarão e logo que perca o "ar transparente" adicione o atum escorrido e o molho detomate. Prove, tempere com sal e, caso goste, compimenta e deixe apurar durante o tempo que a massa demorar a cozer.

Escorra a massa, junte-lhe o refogado de atum e camarão, mexa e enfeite como quiser... com azeitonas e folhinhas de manjericão, por exemplo.

Sugestão

Servir queijo ralado à parte numa tacinha é sempre uma boa ideia.
O miolo de camarão pode ser substituído por miolo de berbigão, de mexilhão ou até por uma mistura de mariscos.


Esta receita que fiz e gostei imenso  foi retirada do Vaqueiro inspira-te. Tem coisas deliciosas